quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

Central de Medula Óssea termina 2011 com 22 transplantes em Londrina

A Central de Transplantes de Medula Óssea do Hospital Universitário (HU) de Londrina fechou o ano de 2011 com 22 transplantes realizados. O número ultrapassa em mais de 100% a meta de 10 procedimentos estipulada pelo Ministério da Saúde quando a unidade foi inagurada, em setembro de 2010.

A superintendente do HU, Margarida Carvalho, comemorou o resultado e comentou que pacientes de Londrina e região foram contemplados com os transplantes. Do total de 22 procedimentos, sete foram feitos para pessoas de Londrina e os outros 15 para pacientes de outros municípios próximos.
A unidade já tem programado o transplante de outras quatro pessoas no início de 2012. A superintendente contou que as pessoas já coletaram as células para o procedimento e aguardam a intervenção.
O HU só possui capacidade para realizar os procedimentos autólogos, quando o doador da medula é o próprio paciente, mas a intenção é angariar recursos para aumentar o número e os tipos de procedimentos, como no caso do transplante alogênico, quando a medula vem de um outro doador.
A intenção da Central de Transplantes de Medula Óssea é fazer uma campanha para sensibilizar descendentes de asiáticos e afrodescendentes, etnias que pouco procuram as unidades.

Nenhum comentário:

Postar um comentário