terça-feira, 6 de março de 2012

Novo kit portátil à venda nos EUA facilita inscrição de doadores de medula óssea



Para contrariar a escassez de doadores de medula óssea, um norte-americano uniu esforços e entidades e conseguiu criar um kit portátil que permite salvar dezenas de milhares de vidas de doentes com leucemia que aguardam por um transplante de medula óssea, avança o PIPOP – Portal de Informação Português de Oncologia Pediátrica, citando o ABS News.

O kit, que já está no mercado norte-americano e custa 4 dólares (cerca de 3 euros), é muito simples de usar. Os utilizadores podem recolher o seu próprio sangue e, de seguida, enviar a amostra num envelope auto-endereçado, selado, juntamente com a idade e endereço e-mail, para o Centro Alemão de Recolha de Dadores de Medúla Óssea (DKSM na sigla em alemão).

A iniciativa partiu inicialmente do norte-americano Graham Douglas. O irmão gémeo de Graham, Britton, tinha 18 anos quando foi diagnosticado com leucemia e Graham ficou a saber que não podia doar medula óssea ao irmão pois eles eram gémeos idênticos e portanto partilhavam o mesmo ADN, o que não iria ajudar na sua luta contra o cancro.
Britton sobreviveu à leucemia graças a um transplante de medula de dador desconhecido, mas o receio de Graham sobre a escassez de dadores e a perda do irmão nunca se dissipou e este não baixou os braços enquanto não conseguiu uma forma de facilitar a inscrição de dadores de medula.

Com o auxílio da empresa Help Remedies, conhecida pelas suas embalagens minimalistas, e do DKSM, o maior centro de recolha do mundo, Graham pôde assim concretizar o seu sonho de criar um kit simples e eficaz que permite a um maior número de pessoas serem dadores e outras receberem um transplante. Por enquanto, o kit de medula só está disponível no site da Help.

*
Todos os potenciais doadores são anónimos e não há nenhuma obrigação de doar medula óssea, mesmo no caso de ser encontrada uma correspondência.

Nenhum comentário:

Postar um comentário