terça-feira, 2 de outubro de 2012

Alunos do curso de soldado doam sangue e medula em Porto Velho


Gincana Solidária' quer incentivar o hábito da doação.
Cerca de 250 futuros policiais militares participam do evento na Fhemeron



Alunos aguardam a vez para doar sangue (Foto: Ivanete Damasceno/G1)

Alunos aguardam a vez para doar sangue (Foto: Ivanete Damasceno/G1)
Cerca de 250 alunos do curso de soldado da Polícia Militar (PM) participam da 'Gincana Solidária' neste sábado (29) em Porto Velho. O objetivo da gincana é coletar bolsas de sangue para a Fundação Hemocentro de Rondônia (Fhemeron) e para o cadastro de medula óssea.
"Com a gincana incentivamos a solidariedade de nossos soldados e ajudamos a manter o estoque de sangue da Fhemeron", afirma o coronel Pachá, diretor de Ensino da Polícia Militar.
Denílson doa sangue pela primeira vez (Foto: Ivanete Damasceno/G1)Denílson doa sangue pela primeira vez
(Foto: Ivanete Damasceno/G1)
O  aluno Denílson Souza de Lima, de 29 anos, doou sangue pela primeira vez. "Eu estava com muito medo da agulha, com medo de doer. Vim por incentivo da corporação e vou continuar doando", garante o futuro policial, que deve se formar em dezembro deste ano.
A técnica de enfermagem Vanderléia Soares diz que o que assusta as pessoas é o tamanho da agulha. "Na ponta da agua tem um laser, que faz com que não haja dor, que é praticamente psicológica", diz.


Nenhum comentário:

Postar um comentário