sábado, 29 de dezembro de 2012

São Paulo faz campanha para recrutar doadores de sangue no fim do ano

A Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo está novamente em campanha para recrutar doadores de sangue neste fim de ano. Em média, nesta época do ano, as doações chegam a cair até 30% no Estado e hospitais estão com os estoques baixos. O objetivo da iniciativa é garantir os estoques nos hospitais em uma época em que costuma haver aumento no número de acidentes e, com isso, um grande volume de atendimentos de emergência e cirurgias que necessitam de transfusões de sangue.


Com o slogan "Não dê férias para a doação de sangue" a secretaria começou a disparar cerca de 15 milhões de torpedos (SMS) para os clientes em todo Estado para convocá-los a doarem sangue durante o período das festas. As mensagens serão encaminhadas até o início de janeiro.
Além de incentivar a doação de sangue, a mensagem também indicará o site da secretaria, onde é possível consultar o endereço dos mais de 100 postos de coleta de todo o Estado e o horário de funcionamento das unidades, inclusive no feriado prolongado de Ano Novo. 
"A doação de sangue é fundamental o ano inteiro. Porém, neste período de festas de fim de ano, este ato de solidariedade torna-se ainda mais necessário para evitar a redução dos estoques neste período e também no início do próximo ano", afirma Osvaldo Donini, coordenador da Hemorrede da Secretaria.
Veja quem pode doar sangue:
- Aspecto saudável e declaração de bem-estar geral; 
- Idade entre 18 anos completos e 67 anos, 11 meses e 29 dias. Podem ser aceitos candidatos à doação de sangue com idade de 16 e 17 anos, com o consentimento formal do responsável legal. E, em caso de necessidades tecnicamente justificáveis, o candidato cuja idade seja inferior a 16 anos ou superior a 68 anos somente poderá ser aceito após análise pelo médico do serviço de hemoterapia. 
- Peso mínimo de 50 kg.

Nenhum comentário:

Postar um comentário