quarta-feira, 26 de junho de 2013

Transplante de medula óssea: um gesto que salva vidas

Transplante de medula óssea: um gesto que salva vidas

A medula óssea é um tecido líquido-gelatinoso que ocupa o interior dos ossos, sendo mais conhecida por tutano. Na medula óssea são produzidos os componentes do sangue: as hemácias (glóbulos vermelhos), os leucócitos (glóbulos brancos) e as plaquetas, que são essenciais para a saúde do ser humano.

O transplante de medula é um tipo de tratamento proposto para algumas doenças que afetam as células do sangue, como leucemia e linfoma. A Leucemia é um tipo de câncer que compromete os glóbulos brancos, afetando sua função e velocidade de crescimento. Nesses casos, o transplante é complementar aos tratamentos convencionais.

Para ser um doador de medula, a pessoa precisa ter entre 18 e 55 anos e estar totalmente saudável. É preciso procurar o hemocentro mais próximo para se cadastrar. Em seguida será feito alguns exames clínicos para confirmar o seu bom estado de saúde. Não há exigência quanto à mudança de hábitos de vida, trabalho ou alimentação, o doador não terá alterações em seu estado de saúde. A doação é feita em centro cirúrgico, sob anestesia, e tem duração de aproximadamente duas horas. Um pequeno gesto de um doador voluntario pode salvar a vida toda de um paciente já que quando se faz um transplante de medula, a rejeição é rara. É preciso que o ser humano tenha mais solidariedade e ajudar ao próximo quando este precisar. Existem muitas pessoas passando por doenças complicadas que precisam de um doador.

O GAPC – Grupo de Apoio a Pessoas com Câncer tem como objetivo ajudar a melhorar a saúde e qualidade de vida dos seus assistidos, fornecendo medicamentos, atendimentos, etc. Se você é maior de 18 anos e tem câncer, agende uma visita e se cadastre. Venha nos conhecer, na Av. Marechal Campos, 1033 – Santos Dumont, Vitória-ES. Telefone: (27) 3233-4831. 


fonte>>http://www.capixabao.com/coluna/17216/saude/transplante-de-medula-ossea-um-gesto-que-salva-vidas/

Nenhum comentário:

Postar um comentário