quinta-feira, 31 de julho de 2014

Passeata em Blumenau conscientiza sobre a doação de medula óssea


Banda marcial acompanhou público pelas ruas de Blumenau (Foto: Jaime Batista/Divulgação)

Cerca de 100 pessoas participaram de uma passeata pelas ruas de Blumenau, no Vale do Itajaí, em prol da doação de medula óssea. O encontro ocorreu das 9h às 11h deste sábado (26), com saída do Biergarten e término no Teatro Carlos Gomes, no Centro. Mais de 20 voluntários fizeram cadastro como doadores no Hemocentro de Santa Catarina (Hemosc) nesta manhã.
Segundo a conselheira Laura Bastos, uma das organizadoras da caminhada, a ação teve como objetivo conscientizar a comunidade sobre a importância de ser doador. "Dados apontam que há um doador compatível a cada 100 mil pessoas. Por isso é importante que as pessoas façam o teste e participem", diz.
No Hemosc, 30 ml de sangue são coletados de doadores em uma fase inicial. Há dois tipos de procedimento para doação. Em um primeiro, o mais realizado,  um medicamento é injetado na corrente sanguínea do doador para liberar células da medula. A coleta é simples, através da doação de sangue.
Um segundo procedimento é feito por sucção. Após uma anestesia, são retirados materiais do osso da bacia do doador. Atualmente, a rede de doadores de medula óssea é integrada entre países do mundo todo, justamente pela dificuldade de compatibilidade dos doadores.
O evento foi realizado por integrantes da igreja mormon Jesus Cristo dos Santos de Ultimos Dias. Uma banda marcial chamada Francisco Lanser, de Blumenau, participou da caminhada.

fonte>>http://g1.globo.com/sc/santa-catarina/noticia/2014/07/passeata-em-blumenau-conscientiza-sobre-doacao-de-medula-ossea.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário