terça-feira, 12 de agosto de 2014

Há cinco meses na luta contra a leucemia Petersons precisa de um doador de medula óssea

Petersons tem 28 anos e necessita de um transplante

As leucemias são doenças que atingem os leucócitos, os glóbulos brancos do sangue presentes nos gânglios linfáticos e na corrente sanguínea. Assim como os glóbulos vermelhos e as plaquetas, os leucócitos são fabricados dentro da medula óssea a partir de uma célula-tronco e são responsáveis por grande parte do nosso sistema imunológico.
Em nossa região quatro jovens lutam contra a doença e o programaComunidade em Ação, da Rádio Difusora AM910, levantou também esta bandeira. Rafael de March TeixeiraPetersons de Jesus eRenan Carvalho, são moradores de Cocal do Sul, além de Natália Ribeiro, moradora de Lauro Müller.
Nesta manhã o jovem Petersons, de 28 anos, em tratamento há três meses, contou um pouco de sua trajetória. Conforme ele os primeiros sintomas apareceram há cerca de cinco meses com dores nas articulações.
O médico hematologista Vítor Hugo Parpinelli Ricci, explica que as leucemias se dividem em duas grandes classes: as crônicas e as agudas. Leucemia aguda é quando as células malignas se encontram numa fase muito imatura e se multiplicam rapidamente, causando uma enfermidade agressiva. As agudas são mais comuns em crianças e o tratamento tem, na maioria das vezes, uma boa resposta. O mais grave é quando as leucemias agudas atingem os adultos. Leucemia crônica é quando a transformação maligna ocorre em células-tronco mais maduras. Nesse caso, a doença costuma evoluir mais lentamente, com complicações que podem levar meses ou anos para ocorrer.
Confira mais informações nas entrevistas com o jovem Petersons de Jesus e com o médico hematologista Vítor Hugo Parpinelli Ricci, no programa Comunidade em Ação.
Colaboração: http://drauziovarella.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário